Pequenos Procedimentos

Pequenos Procedimentos

São procedimentos de pequeno porte cirúrgico, realizados sem anestesia ou somente com anestesia local. Os pequenos procedimentos são realizados em salas especiais na clínica, sem a necessidade de internação, ou seja, em regime ambulatorial.

Os principais problemas tratados através de pequenos procedimentos são: estenose (estreitamento) de uretra, pequenas lesões de pele na região genital masculina (principalmente as causadas pelo HPV), retenção urinária aguda (perda da capacidade de micção) e algumas doenças da bexiga que necessitem de instilação de medicação em seu interior, através de sondas.

Cateterismo vesical

Quem Deve Fazer o Procedimento?

É indicado para pacientes com doenças urológicas que ocasionam a retenção de urina na bexiga.

Como é o Procedimento?

O paciente é deitado em uma maca. Injeta-se um medicamento anestésico e lubrificante no canal uretral. É introduzida uma sonda pela uretra até o interior da bexiga. Após a drenagem da urina, a sonda pode ser acoplada a uma bolsa e mantida no paciente por alguns dias (cateterismo de demora) ou pode ser removida (cateterismo de alívio).

Exige Preparo?

Não exige preparo.

Exige Repouso?

Enquanto o paciente permanecer com a sonda, recomenda-se repouso de atividades físicas.

Instilação vesical
Cauterização de lesões genitais
Biópsia peniana
Dilatação de uretra

Marque agora sua consulta

Invalid Input
Invalid Input
Invalid Input
Invalid Input

Contatos

Unidade Advance

(61) 98625-8802

(61) 3345-4200

Unidade Santa Lúcia

(61) 3346-7612


Horário de atendimento

Segunda à Sexta-Feira: 8:00 às 21:00

Sábado: 8:00 às 12:00

Pesquisar

Valores

Missão

“Oferecer serviços na área de urologia com excelência e manter um atendimento humanizado”.

Histórico

Em meados de 1980, a totalidade de médicos urologistas na Capital Federal mal ultrapassava a casa dos trinta profissionais, cujas atividades se desenvolviam predominantemente no serviço público. O Hospital de Base do Distrito Federal era a unidade hospitalar onde se concentrava a maior parte destes e que tinha por escopo prestar assistência médica urológica a população de Brasília e entorno e de fomentar a formação de novos profissionais.

A prestação de serviços no setor complementar privado, em sua maior parte, era fragmentada ou mesmo praticada de forma individualista e quase sempre orbitando em torno da força do setor público.

Testemunhando o crescimento e desenvolvimento de Brasília, em 1986, quatro profissionais oriundos do Hospital de Base juntaram esforços com o núcleo do Hospital Santa Luzia, constituindo o UROCENTRO – Centro Urológico de Brasília, com sede no Hospital Santa Luzia.

O grupo inspirou-se na missão de oferecer serviços médicos na especialidade de urologia à uma clientela que, por razões diversas, demandava atendimento no setor privado, talvez por ser mais ágil e eclético.

A equipe então nascente, tinha por valores: qualidade dos serviços prestados, responsabilidade, inovação, observância dos preceitos éticos da medicina, humanização dos serviços oferecidos, atualização contínua do conhecimento da especialidade, disponibilização de novos instrumentais e tecnologias à comunidade assistida e interação com especialidades correlatas.

Em 1989, com pequenas alterações no grupo original, o UROCENTRO mesclou-se com o núcleo do Hospital Santa Lúcia e se consolidou como o primeiro grupo de especialistas em urologia de Brasília. Essa fusão levou o UROCENTRO a fortalecer suas propostas originais e a servir de modelo para a formação de outros grupos, fortalecendo o desenvolvimento da nossa especialidade em todo o DF.

Em 1992, o UROCENTRO adquiria a sua sede própria no Centro Clínico Sul, expondo-se à maior visibilidade junto ao seu público alvo e expandindo suas atividades.

No início da década de 2010, agregaram-se dois novos profissionais ao seu quadro médico, por um lado dando mais dinamismo às suas atividades e por outro promovendo a renovação dos seus quadros.

Em maio de 2011, visando dar novo fôlego a clínica e fomentar a renovação de seu quadro funcional, o grupo promoveu o desligamento de alguns profissionais, incorporou novos jovens profissionais e também estendeu um braço de atendimento no Hospital Santa Lúcia. Atualmente a clínica conta com dez urologistas.

No bojo dessas transformações, sempre visando o avanço do UROCENTRO, transferimos a sede da clínica para um novo e amplo espaço, com arquitetura contemporânea, localizada no Edifício Advance, Quadra 915 Sul e mantivemos o braço funcional no Hospital Santa Lúcia.